?

O que você quer ser quando você crescer?


Publicado por Bruno Tadeu em 24/05/2017, às 21:49




     

     Com certeza você já respondeu a esta pergunta muitas vezes quando era criança, para todos aqueles curiosos que queriam saber qual profissão você planejava seguir. Mas e se você descobrisse que não vai parar de crescer até o final da sua vida? Qual resposta você daria?

      O que você quer ser quando ficar velho?

     É isso mesmo!  Ao longo da nossa vida, passamos por um processo de envelhecimento gradual, contínuo, dinâmico, heterogêneo e, o mais importante, inevitável. Sim! Ainda não inventaram a pílula da juventude. Então, eu, você, seus familiares, seus animaizinhos de estimação, suas plantas do jardim, todos, sem exceção, passamos diariamente por esse processo, ao longo de todo curso da vida. Calma! Há muitas outras coisas interessantes na vida do que apenas desejar ser jovem para sempre. O envelhecimento é um processo com ganhos e perdas, envolvendo aspectos biológicos, psicológicos, sociais e ambientais. Cada vez mais vivenciamos formas diferenciadas e interessantes de atenção a essa que é uma das principais certezas da vida: estamos envelhecendo.

      Dessa forma, foi dado o nome de Gerontologia à ciência que estuda de maneira multi e interdisciplinar o processo de envelhecimento em suas diferentes dimensões. Interessa-se por diferentes contextos socioculturais e históricos, abrangendo aspectos do envelhecimento normal e patológico. Investiga o potencial de desenvolvimento humano, inclusive em idades avançadas.

     O processo de envelhecimento é marcado, especialmente a partir do século XX, pela composição etária do curso da vida. Uma das fases do envelhecimento é a velhice, que se inicia a partir dos 60 anos no Brasil, conforme o Estatuto do Idoso. A partir da década de 1980 percebemos um aumento e maior visibilidade da população idosa. Estudos já iniciados no passado foram sendo capazes de apontar suas necessidades psicossociais e de saúde. Primeiramente, cursos de pós-graduação foram surgindo e, atualmente, cursos de graduação. Percebeu-se a importância de formarmos profissionais altamente capacitados para compreender o processo de envelhecimento em seus aspectos biopsicossociais, também promover e gerenciar novos espaços, serviços e ações para o público idoso.

     Os primeiros cursos de graduação em Gerontologia surgiram em meados dos anos de 1970, em países como os Estados Unidos e Canadá. A criação do primeiro curso de Bacharelado em Gerontologia em nosso país é uma iniciativa recente, de 2005, da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH), da Universidade de São Paulo (USP). A USP é uma universidade PÚBLICA, isso mesmo, você não precisa pagar para estudar lá!

     O curso tem duração de quatro anos, tem foco mais centrado na velhice e o ingresso é realizado por meio do exame vestibular, FUVEST. Para aqueles que não podem pagar o vestibular, existem meios para declarar isenção da taxa de inscrição. Atualmente, existe uma outra forma de ingresso na USP. Desde 2015, a Universidade de São Paulo recebe alunos que prestaram a prova do ENEM. 30% das vagas do curso de Gerontologia são destinadas aos ingressantes via SISU. Na universidade ainda existem políticas de permanência estudantil, que buscam atender a estudantes de baixa renda, com o objetivo de fornecer condições para concluírem o curso, reduzindo assim a evasão. Ainda, o ingresso pode ser através de uma prova específica, aos que já possuem graduação.

      A formação é organizada nos cinco eixos temáticos: Ciclo Básico, Biológico, Psicológico, Sociocultural, Saúde, Estágios Curriculares, Gestão e de Interface. Os estudantes realizam disciplinas envolvendo, por exemplo, políticas voltadas à população idosa, aspectos patológicos, promoção da saúde, gestão de caso e de rede, aparência, ambiência, direitos e saúde mental. Os estágios são realizados no Sistema Único de Saúde (SUS), no Sistema Único de Assistência Social (SUAS), Defensoria do Idoso e na Universidade Aberta à Terceira Idade da EACH USP, já a partir do segundo ano. Além disso, os estudantes podem integrar grupos de pesquisa, fazer intercâmbio, participar das entidades estudantis, congressos, promover eventos e ações de intervenção, como o Dia do Idoso.

     Após 12 anos de funcionamento, temos também atualmente o curso de Pós-Graduação, nível Mestrado, que envolve três linhas temáticas de investigação: Saúde, Educação e Gestão.

Já está mais do que na hora de pararmos de pensar que nossas vidas atingem seu auge na idade adulta. Há muito mais por vir! Pensando que a expectativa de vida aumenta cada vez mais, passaremos longos anos na velhice. Devemos lembrar que velhice não é sinônimo de doença, descaso ou decadência. Sim, vivemos perdas. Porém, trata-se, como dito, de mais uma fase da vida, que também pode ser vivida com plenitude, ganhos, saúde e dignidade.

      Se a velhice começa no Brasil aos 60 anos e os idosos com 80 anos e mais de idade tratam da população que cresce entre os idosos, essa será, portanto, a fase que talvez vamos viver mais no curso de vida. Já pensaram nisso? O que temos de atraente, planejado, integrado e eficaz para as múltiplas maneiras de envelhecer?

        O que podemos fazer agora para que nossos anos de vida sejam mais do que longos, também saudáveis e significativos?

        Como será a sua velhice? Certamente, como desfecho do que tem sido o seu próprio processo de envelhecimento.

        Seja como desejar, as ações devem iniciar agora!

        Estamos a disposição para tirar dúvidas a respeito dos cursos de Graduação e Pós-graduação em Gerontologia. Venha nos visitar, assistir uma aula, participar de um evento.

        Faça contato conosco!

Conheça mais do curso de Graduação em Gerontologia no link:

http://www5.each.usp.br/bacharelado-em-gerontologia/

O curso de Pós-Graduação em Gerontologia está detalhado em:

http://www5.each.usp.br/mestrado-academico-em-gerontologia/

As entidades estudantis podem ser contatadas por:

Liga de Gerontologia da EACH-USP

Site: http://ligageronto.esy.es/

Página no facebook: https://www.facebook.com/ligadegerontologiaeach/

Twitter:  https://twitter.com/ligadageronto/

Instagram: https://www.instagram.com/ligadageronto/

Email: ligagerontologiausp@gmail.com

Centro Acadêmico XXIV de março

Página no facebook: https://www.facebook.com/CAGeXXIV/

Email: centroacademico2403@gmail.com

Empresa Júnior de Gerontologia

Site: http://gerontojunior.wixsite.com/empresajr

Página no Facebook: https://www.facebook.com/geronto.junior?fref=ts

Email: gerontojr@gmail.com

 

Lembre-se, você está continuamente crescendo. Desejamos a você um bom envelhecimento!

Equipe Divulga EACH USP

Coordenadora – Profa. Dra. Andrea Lopes

Andressa Raimundo, Andrezza Ferreira dos Santos e Gabrielle Simonassi




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *